07/03/2018

Please reload

Posts Recentes

Gesso 3D na decoração: Sabia mais sobre esse fantástico revestimento que pode transformar completamente o espaço da sua casa

21/11/2017

1/2
Please reload

Posts Em Destaque

Limpeza

07/03/2018

Saiba quais cuidados você deve ter na hora da limpeza de pisos, revestimentos, móveis e vidros para não danificá-los e conservá-los por mais tempo.

 

Porcelanato

   No dia a dia utilize uma solução de limpeza que contenha uma colher de sopa de detergente ou sabão neutro, diluído em cinco litros de água, antes varra o piso com uma vassoura de cerdas macias para não arranhar, em seguida passe um pano de chão molhado com a solução e por fim seque o piso com um pano seco para que não fiquem manchas.

   Caso ainda permaneça sujeira impregnada sobre o produto, deixe a solução de detergente e água agir sobre o piso por mais alguns minutos e depois esfregue com escova ou vassoura de cerdas macias.

Não utilize palha de aço ou produtos similares, já que eles podem riscar, danificar e retirar o brilho do porcelanato.

   Para limpar porcelanato de maneira pesada, você pode usar produtos como: CIF, Veja Cloro Ativo ou Saponáceo Cremoso. Qualquer um desses produtos deve ser diluído em água, usado em sua versão neutra e aplicado com pano umedecido nessa solução.

 

 

 

Pisos de madeira e laminados

   A manutenção dos pisos laminados e dos carpetes de madeira é bem simples. Para a limpeza rotineira, use uma vassoura de cerdas macias ou aspirador de pó, seguidos por pano umedecido. Não se deve utilizar abrasivos, cera, nem qualquer outro produto à base de silicone.

   O excesso de água pode levar ao inchaço da superfície, por isso, ao umedecer o pano em uma solução de 5 litros de água para uma colher de sopa de detergente neutro, torça-o bem, deixando-o sequinho. Se na casa houver algum animal doméstico, adicione à solução três colheres de sopa de vinagre de vinho branco. No entanto, para os pisos de madeira natural, o pano, mesmo enxuto, não é indicado, este procedimento pode provocar uma remoção do rejunte - resinas e vernizes, resultando em rachaduras.

 

 

 

Revestimento de pastilhas

   O revestimento deve ser limpo com a ajuda de uma esponja macia limpa e úmida, finalizando o processo com um pano seco.

   Não utilize escovas com cerdas de aço, esponja de aço, vassoura de piaçava ou qualquer outro produto que tenha na sua composição o aço. Estes produtos podem riscar, danificar ou retirar o brilho do revestimento.

   A limpeza das pastilhas de vidro devem ser feitas com água e detergente neutro.

   Evite a lavagem do revestimento com soluções de ácidos, esses componentes são abrasivos e tendem a deixar o revestimento poroso e mais suscetível à manchas. O que pode acabar prejudicando sua durabilidade.

 

 

 

Revestimentos cerâmicos

   Para revestimentos em cerâmica um pano umedecido com detergente neutro funciona bem Finalize com um pano seco, para a faxina pesada, utilize saponáceo cremoso ou líquido (a versão em pó do produto abrasivo pode riscar o acabamento) ou soluções com cloro ativo, diluídos conforme a indicação do fabricante. O mesmo procedimento vale para azulejos e pastilhas cerâmicas.

   Evite solventes, materiais abrasivos (como palha de aço, polidor de prata e a parte áspera da esponja), produtos ácidos e alcalinos.

 

 

 

Móveis

   O ideal para limpar móveis é usar sabão neutro, como detergente de louças, e um pano ou esponja úmidos.

   Dê preferência à esponja, porque o pano às vezes solta felpa, mas deve-se usar o lado macio do utensílio. A dica vale para as partes em madeira ou prensados e também para puxadores e superfícies metálicas. Para as sujeiras típicas da cozinha, a recomendação é usar água morna e sabão de coco, com uma escova.

 

 

 

Vidro

   O limpa vidros, encontrado facilmente em supermercados, é apropriado somente para a limpeza de vidros e espelhos que não estão localizados em cômodos que acumulam sujeira gordurosa. Nesses cas